Os 7 Chakras do corpo, como alinhar as pedras dos chakras

Os 7 Chakras do corpo

Veremos hoje os 7 chakras-A palavra chakra vem do sânscrito e significa “roda”, “disco”, “centro” ou “plexo”. Nesta forma eles são percebidos por clarividentes como vórtices (redemoinhos) de energia vital, espirais girando em alta velocidade, vibrando em pontos vitais de nosso corpo. Os chakras são pontos de interseção entre vários planos e através deles nosso corpo etérico se manifesta mais intensamente no corpo físico. leia também:lei da atração frases positivas

Veja como atrair uma pessoa amada com o poder da mente

os 7 chakras do corpo

Os 7 Chakras

Os Chakras são canais dentro do corpo humano (nadis) por onde circula nossa energia vital (o prana) que nutre órgãos e sistemas.

Saiba que é através dos nadis ou meridianos caminhos invisíveis dentro do nosso organismo que a energia vital caminha por todo o nosso corpo e chega aos chakras, em pontos que concentram vibrações mais específicas. São sete os principais chakras, dispostos desde a base da coluna vertebral até o alto da cabeça e cada um corresponde à uma das sete principais glândulas do corpo humano. Cada um destes chakras está em estreita correspondência com certas funções físicas, mentais, vitais ou espirituais. Num corpo saudável, todos esses vórtices giram a uma grande velocidade, permitindo que a “prana”, flua para cima por intermédio do sistema endócrino. Mas se um desses centros começa a diminuir a velocidade de rotação, o fluxo de energia fica inibido ou bloqueado – e disso resulta o envelhecimento ou a doença.

Quais  são os principais Chakras

  1. Muladhara – O primeiro chakra é conhecido como Chakra Base ou Raiz (base da espinha dorsal)

  2. Svadhisthana – O segundo chakra também chamado esplênico, sacro ou do baço (um palmo abaixo do umbigo)

  3.  Manipura – O terceiro chakra é conhecido como Chakra do Plexo Solar (um palmo acima do umbigo)

  4.  Anahata – O quarto chakra situa-se na direção do coração (timo e coração)

  5.  Visuddha – O quinto chakra fica na frente da garganta (está ligado à tireóide)

  6.  Ajna – O sexto chakra situa-se no ponto entre as sobrancelhas (conhecido como terceiro olho)

  7.  Sahasrara – O sétimo chakra situa-se no alto da cabeça

Conheça cada um dos 7 chakras em mínimos detalhes

como ativar os sete chakras

  1. MULADHARA (Base e fundamento ou Suporte também chamada de Básico ou Raiz)

Este é o primeiro chakra, está situado na base da espinha dorsal. Relaciona-se com o poder criador da energia sexual. Quando esse chakra está enfraquecido indica distúrbios da sexualidade ou disfunções endócrinas. Quando excessivamente energizado, indica excesso de hormônios, sexualidade exacerbada ou até mesmo a presença de um tumor no local.

Mantra: LAM

Localização:
Na região compreendida entre o ânus e órgãos genitais

Faixa de Ação:
Do joelho até os ovários

Função:
Reger nossa capacidade de entrar na vida, escolhendo o que queremos e o que não queremos para nós. Ir à luta.

Palavra Chave: Ativação

Cor: Vermelho
Vermelho-fogo, Marrom, o vermelho da energia e da atividade mais interna do núcleo do nosso planeta.

Planeta Elemento:
Saturno; Terra.

Símbolo:
Lótus de 4 pétalas

Principio básico:
Vontade física para ser, consciência física, energia vital, vontade de viver e confiança, relação com a terra e o mundo material, estabilidade, perseverança e segurança, sentido de responsabilidade face a si mesmo.

Função dos sentidos:
Olfato

Glândula correspondente:
Supra-renais

Qualidades Positivas: Coragem, Estabilidade. Individualidade, Paciência, Saúde, Sucesso e Segurança.

Qualidades Negativas: Insegurança, Raiva, Tensão e Violência.

Aspeto:
Etéreo inferior, plano físico, instinto de sobrevivência, senso de identidade. Liga-nos com o mundo físico, contato com o espírito da Mãe-Terra, necessidades básicas individuais, bem como as globais, da vida e da sobrevivência nesse planeta. Constitui a fonte de força vital para os chakras mais elevados, é a sede do inconsciente coletivo cujo conhecimento acumulado se torna aqui acessível, alem disso o primeiro Chackra proporciona-nos força de vontade e estabilidade. Você pode ver mais detalhes no blog Vibraraapi

chakras do nosso corpo

2. Chackra UMBILICAL, SEXUAL OU ESPLÊNICO também denomenado por SWADHISTANA (“Fundamento de si próprio”)

O segundo chakra também chamado esplênico, sacro ou do baço, é responsável pela energização geral do organismo, e por ele penetram as energias cósmicas mais sutis, que a seguir são distribuídas pelo corpo. Quando esse chakra é estimulado, propicia uma boa captação energética. ou podemos dizer o seguinte esse segundo é conhecido como Chakra esplênico, sacro ou do baço), relaciona-se com o poder criador da energia sexual. Quando esse chacra está fraco cria distúrbios da sexualida. Quando energizado, proporciona o excesso de hormônios.

Mantra: VAM

Localização:
Região umbilical (2 cm. abaixo do umbigo), entre o osso púbico e o umbigo – acima dos genitais, também alinhado com a coluna e abre-se para frente.

Faixa de ação:
Dos genitais até abaixo da boca do estômago

Função:
Onde são elaboradas as questões do cotidiano como:desejos, manutenção das espécies, sensualidade, paixão e apegos materiais

Palavra-chave: Cotidiano

Cor: Laranja, a cor interior das águas.

Elemento: Água.

Símbolo:
Lótus de 6 pétalas

Principio básico:
Reprodução criativa do ser

Função dos sentidos:
Paladar

Glândula correspondente:
Glândulas sexuais- ovário, próstata, testículos.

Qualidades Positivas: Assimilação de novas ideias, Dar e Receber, Desejo, Emoções, Mudanças, Prazer, Saúde e Tolerância.

Qualidades Negativas: Confusão, Ciúme, Impotência, Problemas da bexiga e Problemas Sexuais.

Aspeto:
Relacionados com as necessidades básicas associado à sexualidade e auto-estima, ao poder pessoal e ao poder no Mundo; dá acesso ao corpo emocional em seu nível mais próximo do corpo físico; abriga a nossa criança interior. As imagens de nossa existência, de vidas passadas e traumas ficam guardadas nesse Chakra. A capacidade de dissipar antigas emoções é também desenvolvida por meio deste chakra



as principais energias fecundantes e acolhedoras que permeiam toda a natureza, parte de um processo de criação continuo, que se expressa em nós mesmos por intermédio na forma de sentimentos e ações criativas, se expressa no plano físico pela ação desintoxicaste e eliminadora dos rins e da bexiga. Já, no nível psíquico é vivenciado através do desprendimento e do livre fluxo dos sentimentos através dos quais estamos prontos a experimentar a vida original e sempre nova.

cores dos chakras

3. Chakra PLEXO SOLAR (MANIPURA)- (“Cidade das Jóias”)

O terceiro chacra (conhecido como Chakra do Plexo Solar) localiza-se na região do umbigo ou do plexo solar, e está relacionado com as emoções. Quando muito energizado, indica que a pessoa é voltada para as emoções e prazeres imediatos. Quando fraco sugere carência energética, baixo magnetismo, suscetibilidade emocional e a possibilidade de doenças crônicas.

Mantra: RAM

Localização:
Início da cavidade abdominal (boca do estômago) – Está situada cerca de dois dedos a cima do umbigo, na altura das costelas inferiores. Abre-se para frente
Faixa de ação: Da cintura até o estômago

Função:
Elaborar a confiança nos instintos e na voz interior (realização pessoal)

Palavra-chave: Eu

Cor: Amarelo e amarelo dourado.
Através da crescente integração e unificação interior, a luz amarela de compreensão intelectual aos poucos se transforma na luz dourada da sabedoria e da plenitude.

Elemento:
Fogo

Símbolo:
Lótus de 10 pétalas

Principio básico:
Constituição do ser

Função dos sentidos: Visão

Cristais: Âmbar, Olho de Tigre e Ouro.

Qualidades Positivas:
Auto controle, Autoridade, Energia, Humor, Imortalidade, Poder pessoal e Transformação.

Qualidades Negativas: Medo, Ódio, Problemas digestivos e Raiva.

Aspeto:
O plexo solar recebe, distribui e processa a energia possível a percepção. Liga-se ao nível inferior do corpo mental, que representa a mente racional e consciente. Está associada a esse Chackra a autoconfiança e o instinto de sobrevivência, a habilidade para o comercial, a matemática, a determinação e a capacidade para aprender e de incentivar a si mesmo. No terceiro Chackra, o nosso sol, com o centro de força entramos num relacionamento ativo com as coisas do Mundo e com outras pessoas. A energia emocional flui para o exterior, nossos relacionamentos, simpatias e antipatias, bem como a capacidade de estabelecermos relacionamentos emocionais duradouros; é onde se encontra a identidade social.

alinhamento de chakras

4. Chakra CARDÍACO OU CHAKRA DO CORAÇÃO (ANAHATA)- (“Invicto”; “Inviolado”)

O Chakra 4 situa-se perto do coração. Relaciona-se primordialmente com o timo e o coração. Sua maior energia faz correspondência ao amor e à devoção, como formas sutis e elevadas de emoção. Quando ativado desenvolve todo o potencial para o amor altruísta. Os sentimentos humanos egoístas desaparecem e nasce em si uma canalização para tudo que recebe e sente, iniciando o caminho para a consciência. Quando enfraquecido indica a necessidade de se libertar do egoísmo e de cultivar maior dedicação ao próximo. No aspecto físico, também pode indicar doenças cardíacas.

Mantra: YAM

Localização:
Entre os mamilos, na região toráxica. Este situado na altura do coração, no meio do peito. Abre-se para fora.

Faixa de ação:
Do alto do estômago até as axilas

Função:
Controlar as emoções

Palavra-chave: Afetividade

Cor:
Verde, Rosa ou Dourado
O verde é a cor da cura bem como da harmonia e da simpatia. A cor verde clara significa capacidade de cura.
Uma aura dourada impregnada de rosa, demonstra uma pessoa que vive no amor puro e dedicado ao Divino.

Elemento: Ar

Símbolo:
Lótus de 12 pétalas

Principio básico:
Abnegação do ser

Função dos sentidos: Tato

Qualidades Positivas: Amor incondicional, Compaixão, Equilíbrio, Harmonia e Paz.

Qualidades Negativas: Desequilíbrio, Instabilidade emocional, Problemas de coração e circulação.

Aspeto:
O Chakra cardíaco liga o corpo e a mente ao espírito. Rege a capacidade da pessoa de amar a si mesmo e aos outros de dar e receber. O rosa é a cor predominante das flores usadas em essências, encontramos aqui a capacidade de compreender e compartilhar as coisas, de nos sintonizarmos e de vibrar em conjunto. Também nos damos conta da beleza da natureza – aqui imagens, palavras e sons são transformados em sentimentos. Mágoas profundas podem causar bloqueios na aura, chamadas de cicatrizes do coração, e quando vem a tona despertam as dores mais profundas; mas também liberam o coração, curando-o desenvolvendo a sensibilidade e possibilitando um novo crescimento. Compaixão, compartilhar, participar com todo coração, abnegação, altruísmo e cura. Acesso ao corpo emocional, nível mental superior.

pedra dos chakras

5. Chakra LARÍNGEO OU CHAKRA DA GARGANTA (VISHUDDHA)-(“O purificador”)

O quinto chacra fica na frente da garganta e está ligado à tireóide. Relaciona-se com a capacidade de percepção mais sutil, com o entendimento e com a voz. Quando desenvolvido, de forma geral, indica força de caráter, grande capacidade mental e discernimento. Em caso contrário, pode indicar doenças tireoidianas e fraquezas de diversas funções físicas, psíquicas ou mentais.

Mantra: HAM

Localização:
No ângulo formado pelo encontro dos ossos da clavícula. Situado entre a cavidade do pescoço e a laringe. Nasce na altura da vértebra cervical e abre-se para frente
Faixa de ação: Das axilas até os ouvidos

Palavra-chave: Comunicação

Cor:
Azul-claro, prateado e o azul esverdeado.

Elemento:
Éter

Símbolo:
Lótus de 16 pétalas

Planeta:
Mercúrio

Principio básico:
Ressonância do ser

Elemento: Éter.

Funções: Som, vibração, comunicação.

Qualidades Positivas: Comunicação, Criatividade, Conhecimento, Honestidade, Integração, Lealdade e Paz.

Qualidades Negativas: Depressão, Ignorância e Problemas na comunicação.

Aspeto:
O quinto Chakra constitui uma importante ligação dos chakras inferiores com os centros da cabeça. Serve como ponte entre nossos pensamentos e sentimentos, entre nossos impulsos e reações, transmitindo ao mesmo tempo o conteúdo de todos os chakras ao Mundo exterior.

Através do Chakra da garganta expressamos tudo o que vive em nosso interior, o nosso riso e o choro, nossos sentimentos de amor e de alegria bem como o medo e a raiva, nossas intenções e desejos, nossas idéias, compreensões e percepções dos mundos interiores.

É o centro da comunicação e da audição incluindo a clareaudiência, da receptividade e da criatividade, do acesso ao padrão etérico. Através do quinto Chakra desenvolvemos a capacidade de auto-reflexão.

Este chakra está relacionado ao funcionamento do sentido da audição onde abrimos nossos ouvidos e escutamos as vozes audíveis e ocultas da criação. Também nos damos conta de nossa voz interior, entramos em contato com a mente e recebemos a inspiração.

Desenvolvemos uma inabalável confiança na orientação pessoal mais elevada, nos tornamos conscientes de nossa verdadeira tarefa na vida.

Reconhecemos que nossos mundos interiores, bem como os mundos de matéria mais sutis da vida são tão reais quanto o mundo exterior, e tornamo-nos capazes de captar e transmitir informações dos setores da matéria mais sutil e das dimensões mais elevadas da realidade Talvez o mais complexo, visto que toda possibilidade de mudança, transformação e cura está ali concentrada incluindo a capacidade de resolver conflitos do passado por meio da liberação Kármica. Clique aqui para ver mais.

sete chakras

6. CHAKRA <> FRONTAL OU TERCEIRO OLHO (AJÑA)-(“O Centro de comando”)

O sexto chakra situa-se no ponto entre as sobrancelhas. Conhecido como “terceiro olho” na tradição hindu, está ligado à capacidade intuitiva e à percepção sutil. Quando bem desenvolvido, pode indicar um sensitivo de alto grau.
Enfraquecido aponta para um certo primitivismo psico-mental ou, no aspecto físico, para tumoração craniana.

Mantra:
OM (alguns estudiosos mencionam o KSHAM)

Localização:
Entre as sobrancelhas. O sexto Chakra está situado um dedo acima da base do nariz, no meio da testa. Abre-se para frente.
Faixa de ação: Dos ouvidos até o alto da testa

Função: Responsável pela percepção

Palavra-chave: Compreensão

Cor:
Índigo, também o amarelo e o violeta. O pensamento racional ou intelectual pode dar origem aqui a uma irradiação amarela. O azul índigo indica intuição e processo de compreensão integrados. A percepção extra sensorial é demonstrada pelo tom violeta.

Símbolo:
Lótus de 96 pétalas

Principio básico:
Autoconhecimento. Percepção consciente do ser.

Função dos sentidos: Todos os sentidos, também a percepção extra-sensorial.

Elemento: Todos os elementos.

Qualidades Positivas: Concentração, Devoção, Intuição, Imaginação, Realização da alma e Sabedoria.

Qualidades Negativas: Dores de cabeça, Medo, Problema nos olhos, Pesadelos e Tensão.

Aspeto:
É a sede das forças mentais mais elevadas, do discernimento intelectual, da memória e da vontade, e constitui a central de comando mais elevada do sistema nervoso central, no nível físico.

É por meio do sexto Chakra que se vê além das realidades físicas e se penetra no reino psíquico para além do entendimento da verdade não física. Ele forma a segunda camada da aura e dá acesso ao padrão do corpo celestial.

Através do terceiro olho estamos ligados ao processo de manifestação por meio da força do pensamento. O processo de criação tem início quando o ser repousado em si mesmo começa a ter consciência de sua própria existência. Com isso ocorre o primeiro relacionamento sujeito-objeto, portanto, a primeira dualidade. Com base nessa vibração primitiva, através de processos de tomada de consciência, novos e diferenciados padrões de vibrações são sempre provocados.

chakra significado

7.  CHAKRA<>CORONÁRIO OU CHAKRA DA COROA (SAHASRARA)-(“O Lótus das mil pétalas”)

O sétimo é o mais importante dos chakras, localiza-se no alto da cabeça e cria uma relação com o padrão energético global da pessoa. Também chamado como chakra da coroa, é representado na tradição indiana por uma flor-de-lótus de mil pétalas na cor violeta. Através dele recebemos a Luz Divina. A tradição de coroar os Reis fundamenta-se no princípio da estimulação deste chakra, de modo a dinamizar a capacidade espiritual e a consciência superior do ser humano.

Mantra: OM (alguns estudiosos mencionam o KSHAMAUM)

Localização:
Topo da cabeça. O sétimo Chakra situa-se no ponto mais alto, no centro externo da cabeça. Abre-se para cima.

Faixa de ação:
Centros nervosos e cérebro 

Função:
Irradiar a consciência humana para que ela se conecte com a Energia Divina, assimilando-a e canalizado-a para os demais chakras físicos. 

Palavra-chave: Percepção

Cor:
Branco dourado (12 pétalas centrais) e Violeta (960 pétalas restantes) Violeta, também o branco e o dourado. Brilha com todas as cores do arco-íris, mas a cor predominante é o violeta. A flor exterior do Chakra é formada por 960 pétalas. No seu interior encontra-se uma segunda flor com 12 pétalas que brilha como uma luz branca impregnada de dourado.

Símbolo:
Lótus de mil folhas

Principio básico:
Ser puro

Elemento: Todos os elementos.

Funções: Revitaliza o cérebro.

Qualidades Positivas: Percepção além do tempo e do espaço. Abre a consciência para o infinito.

Qualidades Negativas: Alienação, Confusão, Depressão e Falta de Inspiração.

Aspeto:
Esse centro é a ligação entre o plano físico e o nosso Eu Superior, a nossa divina presença. É o lugar onde a vida anima o corpo físico; é onde encontramos o cordão de prata que liga os corpos aurais.

É com o prolongamento desse Chakra que o corpo de luz e a alma suprema entram no corpo na hora do nascimento, e é por ali que o deixa no momento da morte. É por meio desse Chakra que tomamos consciência de que temos uma identidade extra-fisica e de que somos parte de um plano Universal. Nele estamos ligados ao ser infinito, divino e sem forma (mas que contém em si todas as formas e qualidades não manifestadas). Nele vivemos e nos sentimos em Deus, nos tornando Um com a origem divina da qual proviemos.
Nosso campo de energia pessoal mistura-se com o campo de energia Universal. O que antes compreendíamos de modo intelectual e de forma intuitiva torna-se agora uma compreensão completa. Nele experimentamos as mais diversas formas da expressão da criação, entre as quais também se situa o nosso corpo como um brinquedo da consciência Divina com a qual nos tornamos um só.

Abrindo os centros de energia (Chakras) – Exercício Guiado

Clique aqui para conhecer o poder da mente

Não deixe de compartilhar essa informação.

Qualquer dúvida ou sugestão deixa no comentário

LEIA TAMBÉM: COMO ATRAIR A PESSOA AMADA COM A FORÇA DO PENSANTO

4 Comments

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *